Os Mercenários 4 | Terry Crews diz que não estará no filme após ser ameaçado por denunciar assédio

Durante um depoimento no Senado dos EUA, Terry Crews afirmou que não estará no elenco de Os Mercenários 4 após ser ameaçado por fazer uma denúncia de assédio sexual (via Deadline).

Wikimedia Commons/Divulgação

O ator já tinha falado sobre o caso em fevereiro, afirmando que seu empresário foi procurado pelo proutor Avi Lerner, que pediu para o ator abandonar o processo contra a agência William Morris Endeavor em função do caso de assédio envolvendo o agente Adam Venit.

“Não [estarei no filme]. Simplesmente porque esse produtor também está enfrentando sua própria investigação. Abusadores protegem abusadores – e isso é algo que eu tive que decidir, se eu iria traçar uma linha. Eu vou fazer parte disso e assumir uma posição, então há projetos que eu precisei recusar”, afirmou o ator.

Crews deu seu depoimento em uma audiência para promover novos direitos para as pessoas vítimas de assédio sexual nos EUA. Em novembro de 2017, em meio as denúncias contra Harvey Weinstein, Crews usou o Twitter para relatar o abuso sofrido por ele em uma festa.

“O que aconteceu comigo aconteceu com vários outros homens em Hollywood e, desde que eu falei a minha história, vários homens me falaram que tinham passado por isso, mas não tinham a confiança ou a segurança suficiente para falar. E isso acontece por que quando você fala, você vai para a lista negra, sua carreira entra em perigo – depois disso, ninguém mais quer trabalhar com você”. Confira parte do testemunho do ator:

FONTE: OMELETE

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: